quarta-feira, 21 de janeiro de 2009

De Ti...

Soltam-se flores dos teus cabelos
Quando tu passas por mim
Desses cabelos tão belos
Cheirosos como um jardim

Soltam-se dos teus lábios sorrisos
Das tuas finas mãos, estrelas
Flores, dos teus cabelos lisos
Belos, como só as coisas belas

Quando andas és miragem
Composta de fantasia
Saborosa como a aragem
Fresca da maresia

Quando te tenho em meus braços
Ou sonho que beijo teus lábios
Pétalas de rosa ou de um lilás
Que se espalham em teu regaço
Esqueço os conselhos sábios
Só de amar-te sou capaz

Quando andas, não sei se andas, se sou eu que te sonho.

11 comentários:

lenor disse...

Bartolomeu, que filme é que estiveste a ver e quem era a actriz?
:)*

Bartolomeu disse...

Está bom de ver Leozinha...
O filme: "Voando sobre um monte de cacos"
A actriz, ou actrizes... uma delas, nomeada para o oscar da melhor interpretação: "Lenor Joly"
;)))

claras manhãs disse...

Mas que é lindo, isso é.
É deste mundo?

beijinho

Bartolomeu disse...

Boa pergunta Minucha... pensando bem...hmmm... já não, já foi, mas extravasou, agora faz inteiramente parte do mundo da fantasia.
;)))
Um grande beijo Min

Rosa dos Ventos disse...

Andas muito inspirado!
Deve haver por aí muita beleza itinerante!

Abraço

Bartolomeu disse...

O mundo é feito de beleza... itinerante, afinal, o mesmo está em permanente e constante mudança, não é minha amiga d'os Ventos?
;)))

Fabulosa disse...

és tu que sonhas, és tu que sonhas... ;)

Helena Paixão disse...

E é tão bom sonhar, não é?

Belissimo e ultra-romântico poema.

Bjs

Bartolomeu disse...

Sou um sonhador Fabulosa, é verdade, ou não fosse do signo caranguejo, sempre de cabeça no mundo da lua...
;)))

Bartolomeu disse...

É realmente, Helena. E sempre que um sonho salta da fantasia e se instala na realidade, temos a sensação de que vivemos um sonho.
Interessante a morfologia dos sonhos...

inespimentel disse...

... tão bonito...
... sonho, realidade, tanto faz... bonito é!