segunda-feira, 5 de maio de 2008

Oh Mar ! (a pedido da Slim)

Oh Mar!...
Tu que conheces o encanto e o pranto,
que cobres tanta terra como um manto.
Que imenso, tocas o céu , no horizonte,
Diz-me mar... onde fica a tua fonte?
És tu oh mar!...
Onde os homens se agigantam e se perdem
Onde se encontram, ou se ajoelham
Senhores dos sonhos e das brumas
Ligando os mundos como estradas

Diz-me mar...
É do homem que te vem essa força com que o esmagas?

11 comentários:

lenor disse...

Bartolomeu, queres mesmo saber? Para dares um mergulho não precisas saber tanta coisa.

Bartolomeu disse...

lololol
Essencialmente isso!
Boa...Leozinha!!!

Popper disse...

Profundo, mesmo! Abração.

Rosa dos Ventos disse...

O mar é uma grande fonte de inspiração!

Abraço

Bartolomeu disse...

Meu amigo Popper, será o mar aquele "Rio largo de profundis"?
;)))

Bartolomeu disse...

Com uma Rosa assim, cheínha de pontos cardiais, não ha marinheiro ke não se perka, neste mar imenso que é a vida!!!
Tenho dito...

sinhã, a. disse...

Slim: ploque não?:-)

luafeiticeira disse...

Não, claro que não é do homem, da mulher talvez...:-)
Olha, já agora, informo-te que o voo sobre o ninho de cucos continua...
beijos e bom fim de semana.
PS: tinha-me enganado, fodilhona é a Ministra da Educação

Um Momento disse...

Tu tens uma capacidade de (A)mar o mar...Belo!

(*)

Papoila disse...

Profundo ...
Gosto dessa tua veia

Beijocas
BF

Vagas Soltas disse...

Gostei!